Conheça

Mensagem do Dia - 15/07/2019

Jesus não tira a tempestade da nossa vida, mas acalma o nosso coração para lidarmos com ela. Precisamos ter uma fé robusta, que nos coloque de pé, de uma fé de confiança que nos dê paz e serenidade. Tenha uma semana para buscar a Cristo!

Vivendo a alma da célula (segunda parte) | 08 a 14/07/2019

Data: 08 a 14/07/2019
Tema:
Vivendo a alma da célula (segunda parte)
Salmo: 113

Leitura: 1Tm 6,17-19; Gl 6,9-10


Desde a semana passada estamos partilhando sobre a “alma da célula”, que consiste em procurarmos viver entre nós a vida de como viviam nossos primeiros irmãos cristãos e que São Lucas retratou em At 2,42-47. Sugerimos que cada membro de célula procure ler individualmente um capítulo por dia do livro dos Atos dos Apóstolos (com o foco nesta ótica de comunidade), pois nele, principalmente, além das demais cartas de Paulo, é que iremos encontrar a experiência das primeiras comunidades cristãs, as primeiras células, as vitórias, dificuldades vividas na experiência da comunitária e assim vamos aprendendo com eles como viver hoje também em comunidade (claro que guardando as devidas proporções do tempo, costumes, etc.).

Vamos então refletir sobre duas das tantas virtudes da vida dos primeiros cristãos: 1) Viviam unidos 2) Tinham tudo em comum. Esta duas virtudes são um verdadeiro chamado a dar um passo na direção da vivência de fato da fé cristã e não ficarmos a vida toda somente “professando a fé”, crendo ou obedecendo a dimensão moral de nossa fé que evidente faz parte do conjunto de nossa vida cristã. Precisamos ter muito presente que nosso Senhor veio sim nos salvar, mas também nos apresentar uma “proposta de vida”, vida em comum, de amor entre os seus, amor que precisa se concretizar em atos práticos entre os membros de nossas células, que o apóstolo Paulo já com sua experiência de vida criando comunidades disse muito bem aos Gálatas: “Não nos cansemos de fazer o bem. Pois se não desanimarmos, chegará o tempo certo da colheita..., sempre que pudermos, devemos fazer o bem a todos, especialmente aos que fazem parte da nossa família na fé” (Gl 6,9-10).

  1. VIVIAM UNIDOS: Nosso Senhor tinha plena convicção da importância e do significado da união entre os seus e do alcance desta unidade no anúncio da sua Boa Nova, pois da maneira como a sua Igreja, a sua Eklesia se mostrasse ao mundo em unidade é que seria a confiabilidade de sua mensagem. O evangelista São João relata as palavras de Jesus quando Ele, em oração, trata deste tema com o Pai:
  2. Pediu que todos fossem um, da mesma forma que Ele e o Pai são um só (Jo 17,21)
  3. Pediu que eles fossem um só e todos unidos, estivessem nele e no Pai (Jo 17,21)
  4. Os seus discípulos vivendo em união era a condição que Jesus via para que o mundo acreditasse que Ele foi enviado pelo Pai (Jo 17,21)

O apóstolo Paulo já bem “calejado”, experiente, conhecedor das comunidades que acompanhava, alertou os Efésios neste sentido: “sejam sempre humildes, bem-educados e pacientes, suportando-vos uns aos outros com amor. Façam tudo para conservar, por meio da paz que une vocês, a união que o Espírito dá” (Ef 4,3).
Para que haja unidade, tão querida e pedida por nosso Senhor, cartão de visita do cristianismo, marca dos primeiros cristãos, requer de cada um algumas disposições:
A) Oração: foi em oração que Jesus pediu ao Pai a unidade, sem oração é difícil viver em unidade;
B) Amor: quando se ama, se perdoa se serve ao invés de querer ser servido;
C) Obediência: a obediência é a salvaguarda da unidade, mesmo que eu pense que tenha razão, em nome da unidade, se obedece. “O bem da comunidade” é o bem sempre maior do que o “meu” próprio bem;
D) Renúncia a si mesmo, vaidade, egocentrismo: Você já deve ter visto leigos que já desobedeceram a seu padre, padres que já desobedeceram a seu bispo, bispos e até cardeais que já confrontaram o papa. As vaidades, o egocentrismo, na maioria das vezes estão por trás de uma desobediência que podem levar a quebra da unidade ou a dificultar.

De tantas comparações que poderíamos citar sobre unidade, a de um corpo com certeza é a que mais nos faz entender, por isto São Paulo recorre ao seu uso em suas cartas.  Sua célula, nossas redes devem caminhar nesta direção para corresponderem ao sentido de viverem unidos: “se uma parte do corpo sofre, todas as outras sofrem com ela. Se uma é elogiada, todas as outras se alegram com ela. Pois bem, vocês são o corpo de Cristo, e cada um é parte deste corpo” (1Cor 12,26-27).

(continua...)

Perguntas
1) Como é a unidade querida por Jesus?
2) O que é preciso para acontecer a unidade em minha célula, em minha área, minha rede e em nosso sistema paroquial de células?


AVISOS

Grande Célula com o padre Rogerio Felix e todas as redes celulares: segunda-feira, 22/07, às 19h30, na igreja


5 º passo - Entrega (oração) – 10 min

  1. Orar uns pelos outros (após breve partilha);
  2. Orar pelas células, áreas e redes, líderes, supervisores e coordenadores;
  3. Orar por todas as pastorais e movimentos;
  4. Pelos encontros de formação de líderes;
  5. Orar pelo padre Rogerio Felix, para que tenha sabedoria, discernimento e revelação para o pastoreio da visão celular e da paróquia;
  6. Orar pelo vigário, diáconos, por toda a liderança paroquial e funcionários;
  7. Por todo trabalho de células;
  8. Orar pelas células que ainda não se multiplicaram este ano;
  9. Orar pelos aniversariantes do mês;
  10. Orar pela nossa escola de formação permanente (ECEFP)
  11. Orar pelo nosso bispo Dom Cesar.

 

“NAS COISAS ESSENCIAIS A UNIDADE, NAS COISAS NÃO ESSENCIAIS A LIBERDADE, EM TUDO A CARIDADE”
(Santo Agostinho)

DEUS ABENÇOE SUA VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL, SUA SEMANA, SUA FAMÍLIA, SUA REDE E SUA CÉLULA.


Missas

2ª feira | 7h (Celebração)
3ª feira
| 7h | 19h30
4ª feira | 7h | 19h30 (Comunidade
NS Perpétuo Socorro - antigo
Setor 09) - R. Maria Asdente
Rosin, 71.
5ª feira | 7h | 12h15 | 19h30
6ª feira | 7h | 15h
Sábado | 17h (Salão da Comunidade
N.S. Aparecida - antigo CP4) | 19h (Igreja)
Domingo | 7h | 9h30 | 12h | 17h | 19h30

Confissões
* Devido ao retiro dos padres
da Diocese, de terça a sexta-
feira não haverá confissões
na PES.

Sábado | 10h


Programação de 15 a 21/07/2019

(12) 3931-2959

Avenida Cassiopéia, 461
Jardim Satélite, São José dos Campos/SP
12230-011

SEJA BEM VINDO.


Este é o novo site da Paróquia Espirito Santo.
Gostaríamos de mostrar para você algumas das funcionalidades novas que preparamos.



Conhecer o site