Acender uma Vela

 

Home » Estudo nas células

Encorajem uns aos outros

Série: Uns aos Outros – Ensino XVIII – Tema: Encorajem uns aos outros Leitura: Hebreus 3,12-14 – Salmo: 19(18) Introdução: Encorajar significa dar coragem a outra ou consolar ao outro. O Espírito Santo é o grande encorajador ou consolador. Na célula, podemos encontrar cristãos que enfrentam provações e problemas. Um sofre emocionalmente por causa de uma doença ou de morte na... 

Ensinem uns aos outros

Série: Uns aos Outros – Ensino XVII  - Tema: Ensinem uns aos outros Leitura = Colossenses 3,16-17 Salmo 1 Introdução: Ensinar ao irmão (ã) é mostrar e explicar a ele (a) princípios da Bíblia e da doutrina católica de modo que ele (a) os entenda e tenha possibilidade e vontade de aplicá-los na modificação do seu modo de viver. Este mandamento incentiva todo cristão a procurar oportunidades... 

Edifiquem-se uns aos outros

Serie : Uns aos outros – Ensino XVI – Tema: Edifiquem-se uns aos outros Salmo: 70 (69) Leitura : I Tessalonicenses 5,11; Romanos 14,19 Introdução: Edificar significa ajudar os outros a formar um caráter e um modo de viver semelhantes aos de Cristo. É procurar oportunidades para ajudar os irmãos e irmãs a crescerem e se desenvolverem espiritualmente. O texto de Romanos 14,19 também pode ser... 

Perdoem-se uns aos outros

Serie Uns aos outros – Ensino XV – Perdoem-se mutuamente Salmo: 84(83)  Leituras: Efésios 4,31-32; Colossenses 3,12-13 Introdução: A ordem das leituras bíblicas desse estudo é perdoar. Perdoar a outra pessoa ou outro cristão que me tenha maltratado ou ofendido significa, por um lado, que deixarei de considerar essa pessoa com desprezo ou ressentimento; e por outro, que terei compaixão... 

Confessem os seus pecados uns aos outros

Série: Uns aos Outros – Ensino XIV - Tema: Confessem os seus pecados uns aos outros Leitura = Tiago | 5,16 Salmo= 50(51) À Igreja que se reúne nas casas, paz! Introdução: Todos somos fracos e por vezes, ofendemos e machucamos os outros. Por vezes ofendemos um (a) irmão (ã) de célula por querer e sem querer. Quando percebo que ofendi alguém ou até a célula inteira, o que eu faço? Faço... 

Não mintam uns aos outros

Série: Uns aos Outros – Estudo XIII – Tema: Não mintam uns aos outros – Leitura: Colossenses 3, 9-10 – Salmo: 141 À Igreja que se reúne nas casas, paz! Introdução: Mentir significa enganar alguém, é a distorção da verdade. É apresentar uma falsa imagem de nós mesmos ou de qualquer coisa, com o objetivo de tornar verdadeiro o que é falso. O Livro de Atos dos Apóstolos 5,2-4;8-9... 

Não devorem uns aos outros

Série: Uns aos Outros – Estudo XII – Tema: Não provoquem uns aos outros Leitura: Gálatas 5,25-26 – Salmo: 45 À Igreja que se reúne nas casas, paz! Introdução: Provocar um irmão é lançar-lhe de modo irritante, um desafio com respeito à sua obra, sua reputação, seu medo pessoal de agir ou suas crenças, com o fim de levá-los a uma discussão ou competição que o rebaixe,... 

Amem-se uns aos outros (Revisão)

Série: “Uns aos outros” – Ensino 1 (Revisão):  Amem-se uns aos outros Salmo: 133 – Leitura: João 13,31-35 “Nisto todos reconhecerão que são meus discípulos, se vos amardes uns aos outros” (Jo 13,35). Inspirados no mandamento do amor que Jesus nos deixou, oferecemos para o estudo das células nessa semana uma vez mais o texto “Amem-se uns aos outros”, de modo que seja fonte... 

Não mordam e devorem uns aos outros

Serie: Uns aos outros – Ensino XI - Não mordam e devorem uns aos outros Leitura: Gálatas 5, 13-15 Salmo: 65(64) À Igreja que se reúne nas casas, paz! O titulo do nosso estudo celular soa bastante estranho e até mesmo engraçado, mas o assunto é sério. O apóstolo Paulo estava bastante preocupado com a situação dos irmãos das Igrejas da Galácia que estavam vivendo em contendas, discussões... 

Não falem mal uns dos outros

Serie: Uns aos outros – Ensino X: Não falem mal uns dos outros Leitura: Tiago 4,11-12 À Igreja que se reúne nas casas, paz! Falar mal dos outros, talvez seja o pecado mais comum, até mesmo entre os cristãos. O hábito nocivo de julgar e falar mal dos irmãos existe. Como cristãos deveríamos agir diferente, mas falamos sem pensar, não nos lembrando do impacto negativo que essas palavras... 

Caminhando para firmar os pactos

Salmo: Salmo 15(14) Leitura =  Mateus 5,3-12 À Igreja que se reúne nas casas, Paz! Introdução: Querido (a) discípulo (a) de Cristo e membro de célula, amar a Deus e ao próximo, significa comprometer-se com ambos. A célula é mais que uma reunião de amigos, é uma verdadeira escola de vivência cristã. Lugar onde aprendemos a servir a Deus, servindo o próximo, por meio do compromisso... 

Não se queixem uns dos outros

Série: Uns aos Outros – Ensino IX:Não se queixem uns dos outros Salmo 141(142) – Leitura: Tiago 5, 9-11 À Igreja que se reúne nas casas, Paz! Introdução: As circunstâncias difíceis e irritantes podem trazer à tona o melhor que há dentro de um cristão, mas também podem revelar o que há de pior nele. Pode ser que ele suporte com paciência tais circunstâncias, confiante de que Deus... 

Deixem de julgar uns aos outros

Série: Uns aos Outros – Ensino VIII: Deixem de julgar uns aos outros Salmo: 25 (24) Leitura: Romanos 14,12-13;Mateus 7,1-5 À Igreja que se reúne nas casas, Paz! Introdução: O inimigo, querendo a todo custo prejudicar o amor mútuo e a unidade da célula e da Igreja em geral, encontrou uma infalível estratégia: é só convencê-los de que devem estar julgando uns aos outros. O mandamento para... 

Não tenham inveja uns dos outros

Série: Uns aos Outros – Ensino VII: Não tenham inveja uns dos outros – Salmo= 56(55) Leitura = Gálatas 5,25-26 À Igreja que se reúne nas casas, Graça e Paz! Introdução: O mandamento de hoje diz: “Nós não devemos ter inveja uns dos outros”. A inveja é um pecado silencioso, capaz de se esconder totalmente dos olhos da maior parte dos observadores. Mas todos sabem que um veneno não... 

Suportem-se uns aos outros

Série: Uns aos Outros – Ensino VI -  Suportem-se uns aos outros Salmo: 78, 38-39 Leitura = Efésios 4,1-3 À Igreja que se reúne nas casas, Graça e Paz! Introdução: O mandamento do amor, para nós, parece bastante exigente: suportar os outros. Suportar quer dizer: tolerar generosamente as atitudes e ações desagradáveis ou ofensivas dos irmãos. Suportar ainda nos dá a idéia que, a justa...