ENSINA-NOS SENHOR, A DEDICAR TEMPO
SILÊNCIO E ATENÇÃO À ESCUTA DA VOSSA PALAVRA

Saiba Mais

Mensagem do Dia - 19/12/2018

Valorize quem se importa com a sua felicidade, tenha fé em Deus, reze todos os dias, faça tudo de coração e agarre, com todas as forças, as segundas chances que a vida nos dá, enxergue a vida com bons olhos e busque sempre a alegria, busque o céu! Tenha uma quarta-feira para buscar o bem e ser sempre graça na vida de quem amamos!

Um Deus que ama e corrige | 01 a 07/10/2018

Data: 01 a 07/10/2018

Tema:“Um Deus que ama e corrige”

Salmo: 47
Leitura: Hb 12, 5-13

Ouça o estudo da semana

Introdução: A Carta aos Hebreus foi destinada aos cristãos que eram oprimidos por muitas provações, das quais não entendiam nem o motivo e nem o sentido. Como eles, também nós muitas vezes nos perguntamos: porque, embora tenhamos praticado o bem somos atingidos por tantas angustias? Por que aquele que é trapaceiro, é bem-sucedido e tem sorte? A lição de hoje para as células procura encontrar ema explicação para estes fatos e se serve de um exemplo tirado da vida familiar.

Mensagem: Se um professor tem entre seus alunos também o próprio filho, não faz distinções: quer que todos se esforcem e assimilem as suas explicações. Se observa que alguém é preguiçoso e distraído, seja quem for, chama a sua atenção com frequência. Entretanto, se é o seu próprio filho que não se comporta bem, as suas repreensões são mais severas. É mais rígido com o seu filho. Exige que se esforce, corrige-o, faz-lhe ameaças, recorre até a métodos mais duros, quando necessários. Eis – diz-nos o trecho de hoje – por que Deus nos submete a tantas provas. Para nos corrigir e aperfeiçoar-nos. “O Senhor corrige a quem ama, e castiga todo aquele que reconhece por seu filho. Estais sendo provados para a vossa correção. É Deus quem vos trata como filhos. Ora, qual é o filho a quem seu pai não corrige?” (V- 6-7). A correção de Deus é a prova que Ele se interessa por nós, quer o nosso bem e não nos considera estranhos, mas filhos. “Mas se permanecêsseis sem a correção que é comum a todos, seríeis ilegítimos e não filhos legítimos” (V- 8).

É evidente que, no momento da repreensão, do castigo e da “bronca” as crianças e os jovens não ficam satisfeitos com a severidade do pai, mas quando crescerem, ser-lhe-ão gratos pela educação que receberam. “É verdade que toda correção parece, de momento, antes motivo de tristeza que de alegria. Mais tarde, porém, traz aos que por ela se exercitaram o melhor resultado de justiça e de paz”. (V- 11).

Agora, nós pensamos que as desgraças e sofrimentos são enviados por Deus. Ele só que o nosso bem e a nossa felicidade. As doenças e aflições não procedem de Deus, mas das circunstâncias da vida e, às vezes, da maldade dos homens; outras vezes, da ação do maligno (Jó 1,6-22;2,1-10). O que a leitura quer nos ensinar é que Deus se serve também dos acontecimentos dolorosos, que se abatam sobre nós, para ajudar-nos a crescer na vida espiritual; para induzir-nos a sermos mais generosos, mais sensíveis, menos voltados para o nosso egoísmo.

Conclusão: Só podemos entender a correção do Senhor, se entendermos o seu amor. Ele deseja que sejamos adultos na fé e que tenhamos um caráter santo de Jesus. Você está passando por alguma provação? Entregue-a a Deus, procure descobrir o que Deus quer falar e fazer através dela e confie que tudo concorrerá para o seu bem, pois Deus é pai e cuida de nós com carinho.

Perguntas

1 - Você está passando por alguma provação no momento?
2 - Consegue ver a mão de Deus nisso? Já tirou algum ensinamento das dificuldades?

 


 

5 º passo - Entrega (oração) – 10 min

  1. Orar uns pelos outros (após breve partilha);
  2. Orar pelas células, áreas e redes, líderes, supervisores e coordenadores;
  3. Orar por todas as pastorais e movimentos;
  4. Pelos encontros de formação de líderes;
  5. Orar pelo padre Luis Fernando, para que tenha sabedoria, discernimento e revelação para o pastoreio da visão celular e da paróquia;
  6. Orar pelo vigário, diáconos, por toda a liderança paroquial e funcionários;
  7. Por todo trabalho de células;
  8. Orar pelas células que ainda não se multiplicaram este ano;
  9. Orar pelos aniversariantes do mês;
  10. Orar pela nossa escola de formação permanente (ECEFP)
  11. Orar pelo nosso Bispo Dom Cesar.

“DEUS ABENÇOE SUA VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL, SUA SEMANA, SUA FAMÍLIA, SUA REDE E SUA CÉLULA”

Cada casa, uma célula que cresce e se multiplica; cada membro, um discípulo e missionário de Jesus Cristo.

Missas

2ª feira | 7h (Celebração)
3ª feira | 7h | 19h30
4ª feira | 7h | 19h30 (Santuário)
5ª feira | 7h | 12h15 | 19h30
6ª feira | 7h | 15h
Sábado | 19h (Igreja e CP4)
Domingo | 7h30 | 10h | 12h |
17h30 | 19h30

Confissões

3ª feira | 17h30
4ª feira | 9h30
5ª feira | 9h30
6ª feira | 9h30
Sábado | 10h


Programação de 17 a 23/12/2018

(12) 3931-2959

Avenida Cassiopéia, 461
Jardim Satélite, São José dos Campos/SP
12230-011

 Regiao Pastoral V Banner site