Transicao Paroco Banner Site Convite missa

Conheça

Mensagem do Dia - 20/03/2019

Bom dia, perdoar uma pessoa que jogou fora sua confiança não é tarefa simples, mas muito pior é guardar aquilo que te faz mal, deixar aquilo te corroer por dentro. Deus nos diz: "Pedi e será dado". Então peça a Ele que limpe seu coração de qualquer mágoa e ressentimento, que o Espírito Santo te ajude a viver em paz e que você possa compreender que tudo serve como lição para nossa vida e para nossa história. Tenha uma quarta-feira para perdoar verdadeiramente!

O dízimo e a vida abundante | 19 a 25/11/2018

Data: 19 a 25/11/2018
Tema:“O dízimo e a vida abundante”
Salmo: 23

Leitura: Ml 3, 7-12 | I Cor 9, 6-10

Ouça o estudo da semana

À Igreja que se reúne nas casas, a paz de Jesus!

Apesar da palavra de Deus proclamar a vitória dos que crêem em Cristo, muitos cristãos não vivem triunfalmente. O temor que é observado nos olhos de uma multidão de pessoas do século XXI é visto no rosto de muitos cristãos também. Ao invés de uma vida abundante, numerosos seguidores de Jesus de Nazaré estão cansados e ansiosos. Entretanto, no meio de uma sociedade que inclui tantas pessoas que estão amedrontadas e deprimidas pelas condições que prevalecem em seu mundo, há aqueles que encontraram o segredo da vida abundante. Tais pessoas imediatamente são notadas diferentes.

Descobri que muitos seguidores de Jesus que possuem uma alegria interna são aqueles que cultivam o hábito do dízimo e ofertas. A ideia de encontrar a vida feliz por meio do dízimo e ofertas não é nova. Tal dádiva divina foi assegurada àqueles que observam este costume nos tempos do Antigo Testamento. “Ponham-me à prova e verão que eu abrirei as janelas do céu e farei cair sobre vocês as mais ricas bênçãos” (Ml 3,10). Esta passagem de Malaquias tem sido muitas vezes interpretada como indicando que as recompensas serão de natureza material. Os dizimistas frequentemente testemunham que graças materiais acompanham um reconhecimento regular da bondade de Deus, por intermédio do dízimo. Mas os resultados descritos em Malaquias não estão confinados a recompensas materiais somente. A retribuição do dízimo sob a forma de bênçãos espirituais reflete-se em vidas transformadas. O quadro do Antigo Testamento é uma preparação daquilo que se transformou na experiência de cristãos em todos os tempos; que encontraram no dízimo e ofertas uma porta aberta para a vida abundante e vitoriosa.

Três bênçãos espirituais são experimentadas pelos dizimistas e ofertantes fiéis, trazendo vida abençoada e abundante:

Em primeiro lugar, o dízimo e as ofertas contribuem para a felicidade daqueles que obedecem a Bíblia nesta questão. Este princípio pode ser alargado a fim de incluir a ideia de que toda a generosa divisão de riqueza resulta em felicidade para aquele que contribui. O dinheiro dividido transforma-se numa fonte de alegria permanente. Esta lei é básica para vida. O dízimo, as ofertas ou a generosa divisão dos bens materiais traz a felicidade. Tenho observado esse fato por meio de testemunhos de dizimistas que dizem: “o dízimo nos tem ajudado mais do que nosso dinheiro tem ajudado a Igreja e aos outros”.

Em segundo lugar, o dízimo e as ofertas contribuem para a saúde física. Como? Não meramente por eventos que podem ser descritos como milagres divinos, mas, também, eliminando as numerosas e óbvias tensões originadas pelo dinheiro ou pela falta dele, trazendo ao cristão uma fé confiante, em que Deus abençoará aqueles que entregam o dízimo, os libertando da lei da carteira de dinheiro, cartão de crédito ou talão de cheques, levando-os a agir, muitas vezes, como se Deus não existisse, esquecendo da maravilhosa providência divina que está à disposição dos cristãos para guiá-los e guardá-los. Sem esta confiança numa força além da humana, eles são vítimas de nervosismo e temor. O dízimo torna o cristão ciente do poder divino, acima do poder humano, que está à disposição para ajudá-lo.  

Em terceiro lugar, o dízimo constitui uma porta aberta através da qual o poder de Deus pode vir à vida. O dízimo e as ofertas causam vida alegre e abundante. “Minha vida tem sido mais feliz desde que comecei a entregar o dízimo”, disse um homem empresário. “Tenho encontrado grande alegria no dízimo, e coisas boas têm acontecido em minha vida”, disse um jovem. “Tenho recebido muitas bênçãos em minha vida espiritual, afetiva e material”, disse outra pessoa. Outros comentaram como segue: “O dízimo é certamente o caminho da vida feliz”; “aprendi o significado de vitória em todos os aspectos desde que comecei a pagar o dízimo e dar ofertas durante as missas”. Um engenheiro da Embraer fez o seguinte comentário sobre a sua experiência com o dízimo: “comecei a entregar o dízimo três anos antes de casar-me. Posso dizer que, embora não tenhamos tudo quanto desejamos, nada nos faltou”. Sua família reflete a validade do seu testemunho pela maneira, porque desfrutam uma alegre experiência cristã e um lar feliz. O poder de Deus, que traz vida abundante e vitoriosa vem a muitos daqueles que entregam seu dinheiro como parte da dedicação que fazem de si mesmo a Deus.     

Conclusão: O dinheiro do cristão é uma parte de si mesmo, de sua mente, de sua força e de sua vida. Quando traz seu dízimo está dando uma parte de si mesmo a Deus. Por tal ato, ele vem para mais perto de Deus. O dízimo não é uma compra da bondade de Deus, é um grato reconhecimento das bênçãos já recebidas. Só compreende o dízimo aquele (a) que já fez a experiência do amor e da bondade de Deus e que por gratidão, não obrigação ou fria obediência, quer dar a Deus toda a sua vida.

Saiba mais:
Qual a porcentagem do dízimo?  A décima parte, como já diz o próprio nome dizimo. A palavra de Deus diz: “Eu, o SENHOR Todo-Poderoso, ordeno que tragam todos os seus dízimos aos depósitos do Templo...” (Ml 3,10).

 

PERGUNTAS

  1. Você tem alguma bênção em relação ao dízimo e ofertas para contar?
  2. Que benefícios você observa na Paróquia Espírito Santo realizados por meio dos dízimos e ofertas?

 

 


 

5 º passo - Entrega (oração) – 10 min

  1. Orar uns pelos outros (após breve partilha);
  2. Orar pelas células, áreas e redes, líderes, supervisores e coordenadores;
  3. Orar por todas as pastorais e movimentos;
  4. Pelos encontros de formação de líderes;
  5. Orar pelo padre Luis Fernando, para que tenha sabedoria, discernimento e revelação para o pastoreio da visão celular e da paróquia;
  6. Orar pelo vigário, diáconos, por toda a liderança paroquial e funcionários;
  7. Por todo trabalho de células;
  8. Orar pelas células que ainda não se multiplicaram este ano;
  9. Orar pelos aniversariantes do mês;
  10. Orar pela nossa escola de formação permanente (ECEFP)
  11. Orar pelo nosso Bispo Dom Cesar.

 

“DEUS ABENÇOE SUA VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL, SUA SEMANA, SUA FAMÍLIA, SUA REDE E SUA CÉLULA”

Cada casa, uma célula que cresce e se multiplica; cada membro, um discípulo e missionário de Jesus Cristo.

Missas

2ª feira | 7h (Celebração)
3ª feira
| 7h | 19h30
4ª feira | 7h | 19h30 (Setores)
Rua Delfim, 286 (Setor 05)
Rua Antonio Aleixo da Silva, 1720
(Setor 11)
5ª feira | 7h | 12h15 | 19h30
6ª feira | 7h | 15h | 19h30
Sábado | 19h (Igreja e CP4)
Domingo | 7h30 | 10h | 12h |
17h30 | 19h30

Confissões

4ª feira | 9h30
5ª feira
 | 9h30
6ª feira
| 9h30
Sábado | 10h
* Chegar com 40 minutos de antecedência

 

Programação de 18 a 24/03/2019

(12) 3931-2959

Avenida Cassiopéia, 461
Jardim Satélite, São José dos Campos/SP
12230-011

 Regiao Pastoral V Banner site

SEJA BEM VINDO.


Este é o novo site da Paróquia Espirito Santo.
Gostaríamos de mostrar para você algumas das funcionalidades novas que preparamos.



Conhecer o site