ENSINA-NOS SENHOR, A DEDICAR TEMPO
SILÊNCIO E ATENÇÃO À ESCUTA DA VOSSA PALAVRA

acesso cerco

O precioso tempo | O precioso tempo

Tema:O precioso tempo

Salmo: 27,13-14 (NTLH)
Leitura: Ecle 3,1-8       


Ouça o estudo da semana

Tempo é dinheiro! O tempo passa, o tempo voa! Será verdade?! Não, não é verdade! Tempo não é dinheiro. Esta frase foi inventada pelo mercado de consumo, com uma visão capitalista de se pensar o tempo apenas como fonte de se ganhar dinheiro. Também o tempo não voa, nós é que vivemos nesta correria do dia a dia sem aproveitar e administrar bem o tempo que Deus nos deu. O tempo não “voa”, ele segue normalmente seu curso estabelecido pelo Criador com seus dias e horas, como nos fala Santo Agostinho e que o nosso catecismo assumiu: “Não existe nada que não leva sua existência a Deus criador. O mundo começou quando foi tirado do nada pela palavra de Deus, todos os seres existentes, toda a natureza, toda a história humana tem suas raízes neste acontecimento primordial: É a própria gênese (origem) pela qual o mundo foi constituído e o tempo começou” (C.I.C- 338)    

O tempo pertence a Deus, que tudo criou. Ele estabeleceu a ordem cósmica e temporal: “Haja luz! Houve tarde e manhã, e Deus viu que tudo era bom! ” (Gn 1-2).

O autor do livro do Eclesiastes procura retratar a fugacidade do tempo e as coisas passageiras. E chama tudo isto de vaidades e tal como Jó busca o sentido de sua vida em Deus para superar as vaidades de nossa vida!

O tempo é sagrado e cabe a nós aproveitá-lo bem durante a nossa vida terrena. O maior agradecimento que poderíamos oferecer a Deus é aproveitarmos bem e com sabedoria este tempo que Ele nos deu, vivendo nossa vida de acordo com seus propósitos.

Se bem pensarmos, passamos grande parte de nosso tempo a serviço de nós mesmos e de nossa sobrevivência, seja trabalhando, estudando, nos divertindo, com nossas famílias e amigos, reservando tempo para o nosso merecido descanso. Somente depois vamos ver o que “sobrou” deste tempo para nos dedicarmos a causa de Deus (salvo aqueles que são ministeriados para isto).

Uma vez que temos dificuldades de usar o tempo para “trabalharmos” para Deus, a sabedoria está em “santificar” o tempo onde estivermos ou procurarmos viver de acordo com o Senhor nosso Deus e Sua Palavra o tempo em que estivermos:

  1. Na família: aqui está o lugar onde passamos grande parte de nosso tempo, nosso primeiro chamado e lugar onde devemos melhor santificar e viver melhor o nosso tempo. Aqui está a célula primeira, mãe e base de toda a sociedade. Se aqui bem vivermos a palavra de Deus, muitos males se evitarão na humanidade;
  2. Mundo do trabalho: onde vivemos a maior de nosso tempo. Podemos santificar o trabalho realizando nossas tarefas consagrando-as a Deus, agradecendo a Ele esta oportunidade de exercer as aptidões profissionais, de tirar deste trabalho o digno sustento de nossa família. Este ambiente ainda é um lugar fértil de testemunharmos a Salvação no Senhor. Um tipo de trabalho pouco valorizado e onde se pode louvar o Senhor enquanto se trabalha é o trabalho da dona de casa. Ali em usa própria casa, se aproveita muito bem o tempo dado por Deus.
  3. Estudo: em uma sociedade cada dia mais exigente, não há possibilidade de não estudarmos. Este ambiente tem se mostrado um desafio para a evangelização, onde aflora o dinamismo da juventude e sua potencialidade, outro terreno fértil e carente da palavra de Deus. Desafio para nossos jovens, um grande chamado à evangelização.
  4. Descanso e lazer: o próprio Deus descansou após a criação. Mesmo no trabalho de evangelização, é preciso descansar, Jesus nos ensinou isto: “Vinde a um lugar a parte e descansai” (Mc 6,31)

Em todo o uso de nosso tempo, devemos consagrá-lo ao Senhor e se não temos o tempo necessário para evangelizar em tempo integral, podemos compensar “santificando” o ambiente onde gastamos nosso tempo e testemunhando o Senhor e suas obras.

Perguntas:
1) Como posso usar melhor meu tempo para Deus?
2) Como testemunhar Deus em meu trabalho e em outros ambientes que frequento? 

 


4º Passo= Evangelização

5º Passo= Entrega (Oração) | 10 minutos

  1. Orar uns pelos outros (após breve partilha);
  2. Orar pelas células, áreas e redes, líderes, supervisores e coordenadores;
  3. Orar por todas as pastorais e movimentos;
  4. Pelos encontros de formação de líderes;
  5. Orar pelo padre Luis Fernando, para que tenha sabedoria, discernimento e revelação para o pastoreio da visão celular e da paróquia;
  6. Orar pelo vigário, diáconos, por toda a liderança paroquial e funcionários;
  7. Por todo trabalho de células;
  8. Orar pelas células que ainda não se multiplicaram este ano;
  9. Orar pelos aniversariantes do mês;
  10. Orar pela nossa escola de formação permanente (ECEFP)
  11. Orar pelo nosso Bispo Dom Cesar.

 

“NÃO VÊS QUE SOMOS VIAJANTES? E TU ME PERGUNTAS QUE É VIAJAR?
EU RESPONDO COM UMA ÚNICA PALAVRA: É AVANÇAR!
EXPERIMENTAIS ISTO EM TI, QUE NUNCA TE SATISFAÇAS COM AQUILO QUE ÉS,
PARA QUE SEJAS UM DIA AQUILO QUE AINDA NÃO ÉS
AVANÇA SEMPRE! NÃO FIQUES PARADO NO MEIO DO CAMINHO! ” (Santo Agostinho)

 

 

DEUS ABENÇOE SUA VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL, SUA SEMANA, SUA FAMÍLIA, SUA REDE E SUA CÉLULA

Crescer na fé | 12 a 18/06/2017

Tema:Crescer na fé

Salmo: 92 (NTLH)
Leitura: 2Pd 3, 17-18       


Ouça o estudo da semana

Pela nossa própria natureza humana somos impelidos ao crescimento físico, psicológico, pessoal e profissional. Para isto, investimos tempo, recursos financeiros... Dedicamos grande parte de nossa vida, por exemplo, à nossa formação profissional. Não medimos esforços para termos nossa vida pessoal e financeira estabilizada, reservamos recursos e tempo para o nosso merecido e necessário descanso e lazer como viagens, cinema, almoços fora, saída com amigos, etc.

E PARA A NOSSA FÉ, E PARA O SENHOR? O QUE ESTAMOS FAZENDO? COMO ESTAMOS INVESTINDO NO CRESCIMENTO DE NOSSA FÉ? 

Se para nossa satisfação pessoal e profissional dedicamos todo o nosso esforço (por mais justo que seja) quanto mais para o Senhor não faremos, uma vez que é ele mesmo que nos deu tudo o que temos?

Crescemos na fé de diversas maneiras, especialmente:

  1. Na oração: oração é um tempo que tiramos para estar com o Senhor nosso Deus, precisamos nos relacionar com Ele: “conforme seu costume”, Jesus saiu dali para orar (Lc 22,39; Mc 1,35); 
  2.  Na Palavra de Deus: é na Bíblia que encontramos tudo o que precisamos saber para vivermos bem esta vida e nos prepararmos para vivermos juntos na vida eterna. “Toda a Escritura é inspirada por Deus, e útil para ensinar, para repreender, para corrigir e para formar na justiça” (2Tm 3,16);
  3. Na vida sacramental: os sacramentos foram instituídos para serem fonte de nosso alimento e crescimento espiritual, especialmente a Eucaristia, que é o próprio Jesus e o sacramento que nos reconcilia com Ele e com a comunidade. “Tomai e comei, isto é o meu corpo, fazei isto em memória de mim…” (Lc 22,14-20);
  4. Na vida de Igreja e comunidade: a vida isolada é como o ramo que tenta viver sem estar ligado no tronco. Como disse o Senhor, é impossível, vai morrer! Vida cristã é vida em comunidade, para nós é célula. “ Os cristãos viviam unidos na doutrina dos apóstolos, na fração do pão e nas orações em comum” (At 2, 42);
  5. Na formação, com retiros, cursos, palestras, aulas, seminários: os estudos sobre a fé nos capacitam, nos reforçam, tornam mais claras esta nossa fé e com isto a vivemos melhor. Lembramos do caso que o apóstolo Paulo teve que ficar uns tempos em uma comunidade para atender as suas diversas dúvidas. “...Como alguns deles se endurecessem e não cressem, desacreditando sua doutrina diante da multidão, apartou-se deles e reuniu a parte os discípulos, onde os ensinava diariamente na escola de um certo tirano” (At 19,9).  

Neste sentido é de extrema importância que participemos de nosso I Congresso Paroquial Católicos em Células que acontecerá nos dias 24 e 25 deste mês. Será uma oportunidade única de crescermos em nossa formação pessoal e espiritual. O Congresso está aberto a você membro, líder e auxiliar de célula que quer crescer na fé e na vivência em células. 

O Papa Francisco tem chamado a Igreja, que somos nós, a evangelizar, na urgência de evangelizar diante deste mundo cada dia mais difícil. Nos prepararmos bem para esta missão é tão importante quanto aceitar a missão.

Perguntas:
1) Quais os meios que existem para que eu cresça na fé?
2) Qual a diferença do investimento que faço em mim e o que faço na obra de Deus?

 


4º Passo= Evangelização

5º Passo= Entrega (Oração) | 10 minutos

  1. Orar uns pelos outros (após breve partilha);
  2. Orar pelas células, áreas e redes, líderes, supervisores e coordenadores;
  3. Orar por todas as pastorais e movimentos;
  4. Pelos encontros de formação de líderes;
  5. Orar pelo padre Luis Fernando, para que tenha sabedoria, discernimento e revelação para o pastoreio da visão celular e da paróquia;
  6. Orar pelo vigário, diáconos, por toda a liderança paroquial e funcionários;
  7. Por todo trabalho de células;
  8. Orar pelas células que ainda não se multiplicaram este ano;
  9. Orar pelos aniversariantes do mês;
  10. Orar pela nossa escola de formação permanente (ECEFP)
  11. Orar pelo nosso Bispo Dom Cesar.

 

“PEDIMOS A DEUS QUE ENCHA VOCÊS COM O CONHECIMENTO DE SUA VONTADE E
COM TODA SABEDORIA E COMPREENSÃO QUE O ESPÍRITO DE DEUS DÁ. DESSE MODO,
VOCÊS PODERÃO VIVER COMO O SENHOR QUER E FAZER SEMPRE O QUE AGRADA A ELE.
VOCÊS VÃO FAZER TODO TIPO DE BOAS AÇÕES E TAMBÉM CONHECER A DEUS CADA VEZ MAIS”
(Cl 1,9-10)

 

“PENSA EM TUDO O QUE CRÊ. PORQUE A FÉ, SE NÃO SE PENSA NO QUE CRÊ, É NULA”
(Santo Agostinho)  

 

 DEUS ABENÇOE SUA VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL, SUA SEMANA, SUA FAMILIA, SUA REDE E SUA CÉLULA.

Não estamos órfãos | 05 a 11/06/2017

Tema: Não estamos órfãos

Salmo: Sl 51 (NTLH)
Leitura: At 2,1-24       


Ouça o estudo da semana

Quando Jesus se prepara para voltar para a casa do Pai, reúne os seus, funda a sua Igreja e anuncia a vinda de uma “outra pessoa” que Ele enviará para ficar em seu lugar. Esta outra pessoa, seria um outro consolador, sim, porque Ele estava com eles e naquele momento Ele, Jesus, era esta pessoa que os consolava, ensinava, os preparava para continuarem sua obra. “Quando disse que iria, a tristeza encheu os seus corações, mas convém que eu vá, porque se eu não for, o Paráclito não vira a vós, mas se eu for, eu vo-lo enviarei” (Jo 16,5-7).

O Espírito Santo veio conforme narrativa dos Atos dos Apóstolos e inaugura, sela, marca a Igreja. NÃO ESTAMOS ÓRFÃOS, como nos disse o Senhor em Jo 14,18. A vinda do Espírito Santo nos proporcionou:

  1. INAUGURAÇÃO DA IGREJA: Como nos afirma o nosso catecismo “No dia de Pentecostes pela efusão do espírito, a Igreja é manifestada ao mundo, o dom do Espírito Santo inaugura um tempo novo na ´dispensação dos mistérios´: o tempo da Igreja” (CIC). A Igreja que somos todos nós (hierarquia e leigos) é continuadora da obra de Cristo. Ela não é somente uma instituição humana. Ela tem uma alma que é o Espirito Santo, que a mantém viva, orienta, inspira nos caminhos da continuação do anúncio da Boa Nova de Jesus.

 

  1. FORÇA PARA EVANGELIZAR: Pedro, de simples pescador que chegou a trair Jesus três vezes, depois da vinda de Pentecostes e ter recebido o batismo no Espírito, transformou-se; de medroso e inseguro toma a palavra, prega com coragem e destemor, anuncia a Salvação em Cristo Jesus, trazendo somente naquele dia cerca de três mil pessoas para Jesus (At 2,40-41).
  1. CONVENCIMENTO SOBRE O NOSSO PECADO E NOS RECORDA JESUS: “É o Paráclito, o Espírito Santo que o Pai enviará em meu nome, ensinar-vos-á todas as coisas e vos recordará tudo o que vos tenho dito” (Jo 14,26). Mais adiante nosso Senhor nos fala ainda que o Espírito Santo nos convencerá sobre o nosso próprio pecado (Jo 16,9-10) e Ele nos fala em nosso coração (sede de nossos sentimentos) e especialmente em nossa consciência (sede de nosso saber). Ele nos mostra claramente quando estamos pecando, não nos condenando, mas com amor, próprio de sua natureza amorosa e consoladora.

 

  1. CAPACITAÇÃO COM SEUS DONS PARA O SERVIÇO DA EVANGELIZAÇÃO E O CRESCIMENTO DA COMUNIDADE: o Espírito Santo consolador, sendo Espírito, não o vemos com nossos olhos, mas vemos suas ações e frutos, orienta, anima a Igreja e nos presenteia com “dons”, “ferramentas” para o serviço: “A cada um é dada a manifestação do Espírito para proveito comum” (1Cor 12,4-11) e o apóstolo Paulo enumera estes dons: fé, sabedoria, ciência, curas, milagres, profecias, discernimento dos espíritos, línguas, interpretação das línguas e ainda na carta aos Romanos enumera mais dons, sempre tendo em vista o bem comum: ensino, exortação, serviço, distribuir ajudas, liderança, entre outros.

O Espírito Santo, que está presente na sua Igreja desde Pentecostes até hoje e ficará conosco até a volta gloriosa de Jesus, é rico na distribuição de seus dons: “O Espírito Santo, sendo único, com uma maneira de ser e indivisível, distribui a graça a cada um conforme lhe apraz... O Espírito tem um só e mesmo modo de ser; mas por vontade de Deus e pelos méritos de Cristo, produz efeitos diversos” (São Cirilo de Jerusalém).

 

Perguntas:
1) Qual a missão do Espírito Santo?
2) Como age o Espírito Santo?


AVISO:

EMPRESÁRIOS (COMERCIANTES, PRESTADORES DE SERVIÇOS, PROFISSIONAIS LIBERAIS, AUTÔNOMOS) QUE PARTICIPAM DE CÉLULAS: por ocasião de nosso I Congresso Paroquial Católicos em Células estamos oferecendo aos irmãos e irmãs empresários (as) a oportunidade de divulgar seu produto ou serviço durante todo o congresso e tornar sua empresa conhecida para os nossos próprios membros de células. Como será isto?

  1. Sua marca ser exposta durante o congresso com um banner;
  2. Sua marca impressa na apostila com todo o conteúdo do congresso;
  3. Sua marca sendo citada durante todo o congresso.

UMA ÓTIMA OPORTUNIDADE DE DIVULGAR SEU NEGÓCIO ENTRE OS MEMBROS DE NOSSAS CÉLULAS.
Mais informações na Secretaria de Células.

4º Passo= Evangelização

5º Passo= Entrega (Oração) | 10 minutos

  1. Orar uns pelos outros (após breve partilha);
  2. Orar pelas células, áreas e redes, líderes, supervisores e coordenadores;
  3. Orar por todas as pastorais e movimentos;
  4. Pelos encontros de formação de líderes;
  5. Orar pelo padre Luis Fernando, para que tenha sabedoria, discernimento e revelação para o pastoreio da visão celular e da paróquia;
  6. Orar pelo vigário, diáconos, por toda a liderança paroquial e funcionários;
  7. Por todo trabalho de células;
  8. Orar pelas células que ainda não se multiplicaram este ano;
  9. Orar pelos aniversariantes do mês;
  10. Orar pela nossa escola de formação permanente (ECEFP)
  11. Orar pelo nosso Bispo Dom Cesar.

VENI CREATOR SPIRITUS

“VINDE ESPÍRITO CRIADOR, A NOSSA ALMA VISITAI! E ENCHEI OS CORAÇÕES COM VOSSOS DONS CELESTIAIS. VÓS SOIS CHAMADO O INTERCESSOR DE DEUS EXCELSO DOM SEM PAR, A FONTE VIVA, O FOGO, O AMOR, A UNÇÃO DIVINA E SALUTAR. SOIS O DOADOR DOS SETE DONS E SOIS PODER NA MÃO DO PAI, POR ELE PROMETIDO A NÓS, POR NÓS SEUS FEITOS PROCLAMAI. A NOSSA MENTE ILUMINAI, OS CORAÇÕES ENCHEI DE AMOR, NOSSA FRAQUEZA ENCORAJAI, QUAL FORÇA ETERNA E PROTETOR. NOSSO INIMIGO REPELI, E CONCEDEI A VOSSA PAZ, SE PELA GRAÇA NOS GUIAIS, O MAL DEIXAMOS PARA TRÁS. AO PAI E AO FILHO SALVADOR, POR VÓS POSSAMOS CONHECER QUE PROCEDEIS DE SEU AMOR, FAZEI-NOS SEMPRE FIRMES CRER. AMÉM!

 

DEUS ABENÇOE SUA VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL, SUA SEMANA, SUA FAMÍLIA, SUA REDE E SUA CÉLULA.

I Congresso Paroquial Católicos em Células

Saiba mais

Convocação

I Congresso Paroquial Católicos em Células

24 e 25 de junho, no auditório do Espaço Vida

“Fortalecendo líderes para o presente e o futuro das células”

Quando olhamos a história de nossa paróquia e a implantação do sistema de evangelização em células, podemos dizer como o juiz e profeta Samuel: “até aqui o Senhor Deus nos ajudou”. (1 Sm 7,12).

Já se passaram muitos anos e graças à mão de Deus nesta obra, a ação do Espírito Santo e o trabalho incansável de centenas de pessoas que abraçaram esta causa, hoje temos motivos de sobra para agradecer a Deus por todas as nossas células, suas redes, o ministério de formação, a Comunidade Discipular, todos frutos da vivência em células na paróquia. As conversões acontecem frequentemente e em todos os níveis: pessoal, familiar, testemunhos de vivência em células, de ajuda mútua a um irmão (a) e muito especialmente o testemunho de evangelização Oikós, membros evangelizando os seus mais próximos.

Até aqui o Senhor nos ajudou!

Mas é preciso avançar muito mais, em direção à nossa visão celular: “em cada casa uma célula que cresce e se multiplica. Cada membro um discípulo e missionário de Jesus Cristo”. Este primeiro congresso será um marco em nossa paróquia, um divisor de águas, um forte momento para louvarmos a Deus e agradecê-lo por termos chegado até aqui, pedir forças para continuarmos adiante com esta missão e nos capacitarmos para bem colaborar com a graça de Deus. “A graça supõe a natureza”, diz Santo Tomás de Aquino.

Para que esta obra continue a prosperar, crescer e se multiplicar é preciso que todos assumam, que a abracem. Por isto estamos convocando para este Congresso você líder e auxiliar de célula, supervisor, anfitrião (a), coordenador (a) de rede e também você que se sente chamado a ser um discípulo e missionário de Jesus Cristo, mesmo que não esteja à frente como líder de uma célula.

Este congresso será uma grande oportunidade para crescermos, nos alimentarmos e nos fortalecermos para continuar esta obra de Deus.

Aproveito para, desde já agradecer a cada um que já está trabalhando, se esforçando em favor deste congresso e parabenizar a todos que estão economizando e realizando eventos para poderem participar de nosso I Congresso Paroquial Católicos em Células.

Estamos em meio à Semana de Pentecostes, aproveito para pedir ao Espírito Santo que fortaleça e ilumine, você com sua família e sua célula.

Amém!

Padre Luís Fernando Soares

“Ser discípulo e missionário” (segunda parte) | 22 a 28/05/2017

Tema: “Ser discípulo e missionário” (segunda parte)

Salmo: Sl 92 (NTLH)
Leitura: Ex 3,1-15       


(continuação do estudo anterior)

Como já vimos nos últimos roteiros, fazer a visão celular acontecer exige de nós muito amor, querer e trabalho, em especial o ser discípulo e missionário de Jesus Cristo. Ao assumirmos essa segunda parte de nossa visão é que levaremos à concretização da primeira parte: “em cada casa uma célula que cresce e se multiplica”.

No entanto, é necessário que afastemos algumas “síndromes”, espécies de “doenças” que atrapalham o desenvolvimento, crescimento e multiplicação de nossas células. Vimos duas delas na semana passada: o medo de que, ao entrar mais pessoas em minha célula, atrapalhe a convivência fraterna, como na transfiguração ("está bom aqui, Senhor), é um certo comodismo, ainda que inconsciente; e também o achar que, por não saber falar, irá atrapalhar no convite para que mais membros entrem na célula (“ah, Senhor eu não sei falar”, disse Moisés). Mas a ordem e mandato do Senhor é “Levantem” (Mt 17,1-8) e “Eu estarei contigo” (Ex 3,12).

Hoje vamos comentar mais dois males que também atrapalham a expansão de nossas células:

3) Sou muito ocupado (a), tenho muitos compromissos na Igreja (Síndrome de Marta): “Marta, Marta, andas muito ocupada e te preocupas com muitas coisas” (Lc 10,38-42). O Papa Francisco em uma audiência à Cúria Romana chamou isto de “martalismo”, exatamente para alertar sobre o risco de se assumir muitas coisas, excesso de trabalho. São Francisco de Assis dizia aos seus frades: “façam poucas coisas, mas as façam bem”.
Todo apostolado na Igreja é bom, claro, mas por vezes assumimos tanta coisa que acabamos fazendo tudo pela metade ou sem o devido zelo e qualidade merecida. Quando não, deixamos faltar tempo até para nossa família, que é a nossa primeira e principal célula. Mas o que deixa muita preocupação é que, por este excesso de trabalho, por mais louvável que seja, não separemos tempo para a evangelização relacional, a evangelização Oikós, ou seja, não reservamos tempo para cumprirmos nossa missão de discípulos e missionários de nossas células.
O remédio para este mal é assumir as palavras de Jesus: “uma só coisa te é necessária”. Não significa que devamos fazer só uma coisa na Igreja, mas quando Jesus disse isto a Marta ele quis dizer que aquela correria e agitação em que ela se encontrava, poderia ser diminuída e ela ficar mais tempo na Sua presença.    

4) Se minha célula crescer, vai se dividir (Síndrome da infertilidade): medo de “perder” os membros, os filhos (as), irmãos (as). A consequência é que enterramos nossos talentos semelhante àquele personagem da parábola (Mt 25,14-27) e não nos desenvolvemos como pessoas e nem como missionários. As células de nosso corpo se multiplicam constantemente para o nosso bem, pela sua renovação. Quanto mais se multiplica, mais se renovam e crescem mantendo o corpo sempre saudável. Para superar este medo de perder membros e acabar com esta síndrome da infertilidade, o remédio é assumirmos o primeiro mandato que o Senhor Deus nos dá no início da humanidade “Crescei e multiplicai” (Gn 1, 28) e o mandato missionário do Senhor Jesus “Vão a todos os povos e façam com que sejam meus discípulos” (Mt 28,19).

Sabemos que existe hoje uma carência muito grande de lugares onde se vive de fato a palavra de Deus, onde se vive em comunidade. Nossas células são estes lugares. Elas podem ser o sinal visível e testemunhal de que aquelas virtudes vividas pelos primeiros cristãos podem ser vividas em nossos dias: “vejam como eles se amam” (At 2,42). Além disto existem ainda milhares de pessoas que precisam ser evangelizadas. Os membros de células são estes discípulos e missionários que podem realizar este mandato do Senhor: “vão e façam discípulos...” (Mt 28,19).

 

Perguntas:
1) Quais as quatro síndromes que atrapalham o crescimento de uma célula? 
2) Quais os remédios para curá-las? 

oikos estudo


AVISO:

  1. Já estão disponíveis na Secretaria Paroquial as fichas de inscrição para o I Congresso Paroquial Católicos em Células, nos dias 24 e 25 de junho, no Espaço Vida (Paróquia Espírito Santo), por um investimento de R$ 40. O evento é destinado a coordenadores, supervisores, líderes, auxiliares, anfitriões e para todo aquele (a) que se sente chamado a crescer na arte da liderança.
  2. Parabéns aos 150 participantes do Retiro Vida Plena, promovido pela Formação de Líderes, no último final e semana. Deus continue abençoando e que o Espírito Santo os presenteie com o dom da perseverança. Deus abençoe e recompense a toda equipe de Formação pelo trabalho.  

4º Passo= Evangelização

5º Passo= Entrega (Oração) | 10 minutos

  1. Orar uns pelos outros (após breve partilha);
  2. Orar pelas células, áreas e redes, líderes, supervisores e coordenadores;
  3. Orar por todas as pastorais e movimentos;
  4. Pelos encontros de formação de líderes;
  5. Orar pelo padre Luis Fernando, para que tenha sabedoria, discernimento e revelação para o pastoreio da visão celular e da paróquia;
  6. Orar pelo vigário, diáconos, por toda a liderança paroquial e funcionários;
  7. Por todo trabalho de células;
  8. Orar pelas células que ainda não se multiplicaram este ano;
  9. Orar pelos aniversariantes do mês;
  10. Orar pela nossa escola de formação permanente (ECEFP)
  11. Orar pelo nosso Bispo Dom Cesar.
  12. Orar pelo 1º congresso de células de nossa paróquia.

 

“TODOS OS SEUS SONHOS PODEM SE TORNAR REALIDADE SE VOCÊ TEM CORAGEM PARA PERSEGUI-LOS”
(Walt Disney)

“OPORTUNIDADES NÃO SURGEM. É VOCÊ QUE AS CRIA”
(Chris Grosser)

“UMA PESSOA DE SUCESSO É AQUELA QUE CRIA UMA PAREDE COM OS TIJOLOS QUE JOGAM NELE”
(David Brinkley)

 

DEUS ABENÇOE SUA VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL, SUA SEMANA, SUA FAMÍLIA, SUA REDE E SUA CÉLULA

Pagina 2 de 30

Cada casa, uma célula que cresce e se multiplica; cada membro, um discípulo e missionário de Jesus Cristo.

Missas

2ª feira: 7h (Celebração) e 18h
3ª feira: 7h e 19h30
4ª feira: 7h e 19h30 (Setor)
5ª feira: 7h, 12h15 e 19h30
6ª feira: 7h e 15h
Sábado: 19h (Igreja e CP4)
Domingo: 7h30 e 17h30 (outras
missas no Cerco) 

Programação válida de 17/07 a 23/07

Confissões

3ª feira: 17h30
4ª feira: 9h30
5ª feira: 9h30
6ª feira: 9h30
Sábado: 10h

Chegar com 40 minutos de antecedência

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

(12) 3931-2959

Avenida Cassiopéia, 461
Jardim Satélite, São José dos Campos/SP
12230-011

 

Regiao Pastoral V Banner site